Tatuagem: evite riscos de arrependimento e de saúde


Encontrar uma pessoa tatuada nos dias atuais, diferente de algum tempo atrás, é muito comum. Esse número hoje é tão perceptível que se continuar nesse ritmo crescente vai ser raro encontrar pessoas sem tatuagem ou com apenas uma no corpo. De acordo com matéria publicada no Jornal Maringá on-line, em 2008, o Sindicato dos Estúdios de Tatuagem e Body Piercing de São Paulo (Setap) estimava a existência de 25 milhões de pessoas tatuadas no Brasil.

Adilson Stadler, responsável pelo evento Tattoo Pro, uma feira de tatuagem do Sul do Brasil, conta que durante três dias de evento no ano passado mil e cem pessoas fizeram tatuagens. O organizador afirma que a expectativa para esse ano é superar essa marca.

Mas se você pretende fazer uma tatuagem é preciso estar atento a dois aspectos importantes: o primeiro está vinculado à própria decisão de fazer a tatuagem, pois é preciso sempre levar em conta que estará marcando sua pele para vida toda, considerando que o processo de remoção, atualmente, é caro e complicado. O segundo, não menos importante que o primeiro, é ficar atento para não gerar nenhum dano a sua saúde.

De acordo com um estudo norte-americano realizado em 2006, publicado no site Banco de Saúde, os principais motivos que levam as pessoas a fazer uma tatuagem são: se sentir únicas (44%); se sentir independente (33%) e chamar a atenção para uma determinada experiência de vida (28%). Entretanto, essa mesma pesquisa revelou que muitas pessoas querem remover suas tatuagens principalmente porque enjoaram, sentem vergonha, sofrem preconceito ou não conseguem usar determinados tipos de roupa. Outro dado relevante evidenciado pelos pesquisadores é que muitos indivíduos “mudaram sua identidade” e queriam remover suas tatuagens porque elas não combinavam mais com quem essas pessoas são atualmente.

Para que você não faça parte da estatística das pessoas que se arrependem e sofrem com isso é recomendável: conversar com pessoas de faixa etária diferente que tenham tatuagem antes de tomar a decisão; pesquisar bastante sobre tipos de tatuagem e analisar com cuidado o que você gostaria de fazer e evitar nomes de namorado (a), marido (a) ou qualquer outro tipo de frase que possa causar algum tipo prejuízo emocional com o passar do tempo.

No que se refere aos cuidados de saúde é primordial escolher um profissional experiente, que use luvas e equipamento esterilizado, utensílios descartáveis e que já tenha realizado trabalhos que você conheça e tenha gostado. Observe se o estabelecimento é limpo e possui boa estrutura. Lembre-se que um trabalho bem feito não costuma ser barato.

Verifique se os produtos como  tintas nacionais e importadas, os aparelhos,  as agulhas e  outros acessórios usados para fazer a tatuagem têm o registro na Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), pois produtos  de má qualidade podem causar problemas à saúde como alergias, intoxicação e doenças.

É importante também observar se o estabelecimento no qual será feita a tatuagem possui autorização de funcionamento expedida pela Secretaria Municipal ou Estadual de Saúde e pela Vigilância Sanitária. Estabelecimentos e produtos com problemas devem ser denunciados à Vigilância Sanitária mais próxima do consumidor.

Denúncias podem se feira pelo e-mail: ouvidoria@anvisa.gov.br
Pedidos de informação podem ser feitos  para a Central de Atendimento da Anvisa – 0800 642 9782. Disque Saúde 0800 61 1997.

Bianca Reis do Portal do Consumidor

One comment

  1. EU TENHO 60 ANOS, SOU BIPOLAR, E ACHO A TATUAGEM A MAIR IMBECILIDADE, EU VIVI A ERA DO FAÇA AMOR E NÃO FAÇA A GUERRA, NUNCA QUIZ FAZER TATUAGEM, IMAGINE O ARREPENDIMENTO UM VELHO NA CAMA DE UM HOSPITAL CHEIO DE SORO, COM ENORME TATUAGENS, O CORPO VAI DEFORMANDO E AS TATUAGENS COMEÇÃO A SE MOVIMENTAR
    UM VELHO DOENTE CHEIO DE TATUAGENS

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s