O Inmetro quer saber a sua opinião.


O Inmetro quer saber a opinião dos consumidores sobre escadas metálicas de uso doméstico. O objetivo dessa pesquisa é mapear eventuais riscos que esse produto possa oferecer à sociedade. O resultado desse trabalho subsidiará a elaboração do Programa de Avaliação da Conformidade para Escadas Metálicas de Uso Doméstico que está sendo conduzido pela equipe da Diretoria da Qualidade do Instituto.

Os programas de Avaliação da Conformidade do Inmetro têm como objetivo estabelecer requisitos que assegurem a saúde e a segurança do consumidor, e dependendo do produto, a preservação do meio ambiente, baseados em normas vigentes para o produto e regulamento técnico.

Clique aqui para participar dessa pesquisa e ajudar o Inmetro no desenvolvimento desse trabalho.

11 comments

  1. Até hoje não tive nenhum problema, imagino que as donas de casa devem gostar, pois a escada é muito mais leve.

  2. Já tive problemas com a escada nova que comprei. Após procurar muito não consegui encontrar uma resistente como a minha “velhinha” Comprei outra e caí duas vezes da mesma. Ela é muito “leve”, mais instável, não tem equilíbrio mesmo qdo subo sem nada nas mãos e quase todo mundo que usa uma escada está com pelo menos uma das mãos ocupadas. No caso de limpeza doméstica tem uma balde, um produto, um pano de limpeza, etc. No caso de conserto/reparos tem pregos, martelo, parafusadeira, furadeira. Troca de lâmpadas então?, nem pensar. Tem escadas atualmente no mercado que a pessoa tem que ser equilibrista p/usar a mesma. Acredito que o Inmetro precisa avaliar “urgente”. Atualmente estou usando a minha “velhinha” que mandei reformar.
    Léia.

  3. Concordo com Léia. É tão leve que chega a ser perigosa. Talvez, se tivesse algum reforço nos pés, isto poderia trazer o equilíbrio entre ser leve e segura.

  4. Acabei de comprar uma escada de alumínio, ainda nem tirei do plástico. A antiga de ferro teve os pés corroídos pela ferrugem.
    A peça que fazia o freio entre os dois lados da escada quebrou e foi substituido por um pedaço de fio eletrico. Como a demanda de uso não era tão grande não houve acidentes.

  5. Paulo Roberto – Brasilia-DF, 05/11/11.
    Gostaria que o inmetro, baixasse uma norma quanto a altura das escadas, pois existe escadas de cinco degraus de várias alturas, a meu ver enganando o consumidor, eu comprei uma da marca AGRAPLAST, essa tem ser malabarista pra ficar em cima dela

  6. COMO PODE UIM FABRICANTE FAZER UMA ESCADA PERIGOSA SEM EQUILIBRIO E COLOCA-LA NO MERCADO A PONTO DE CAUSAR ACIDENTES DOMÉSTICOS. ACHO QUE FOI UM ENGENHEIRO QUE PLANEJOU ESSA ESCADA, MAS NÃO DEVE SER UM PROFISSIONAL. A ESCADA É PÉSSIMA E NÃO VALE A PENAR COMPRA-LA. MESMO QUE SEJA MAIS BARATA. ELA VAI TE CAUSAR PROBLEMAS.
    SONIA
    .

  7. Até o momento não encontrei uma escada de alumínio de uso doméstico confiável, pois estão sempre em desequilíbrio, cheguei uma vez a cair, e entendo que falta uma espeficicação técnica na elaboração da escada metálica de uso Doméstico em alumínio, tais como: medidas (altura, largura, carga de suporte, etc). Uma vez configuradas/normatizadas com certeza diminuirá muito os acidentes domesticos causados pelo uso da escada metálica de alumimio.
    Rosa Lúcia Lima Reis – Recife/PE.

  8. Meu sobrinho foi trocar uma lampada e a escada quebrou, esta internado no Hospital São Camilo em Itu c/ 2 fraturas no braço desde sabado. Ele pesa 72 kg não é nenhum obeso essa escada pode causar um acidente muito sério.A esposa dele teve filho faz 21 dias, esta quase c/ depressão ele vai ter que fazer cirurgia no braço só Deus sabe qdo vai poder trabalhare dai sera que quem fabricou a escada vai arcar c/ o prejuizo que ele esta tendo sem poder trabalhar e só Deus sabe qdo vai voltar. Então pense bem antes de comprar essa escada o caso é sério!!!!!!

    Maria das Graças Pereira- Itu/SP

  9. Tenho uma escada de ferro que já completou 20 anos de uso contínuo, ela tem os degraus mais largos, não balança e é muito segura. O fabricante é a Metalúrgica Gazarra, que infelizmente fechou.
    Procuro constantemente uma outra para aposentar-lá, mas não encontro nada, nada que chegue perto da qualidade dessa escada.
    Em todas as casas que vou tem aquelas escadas de alumínio que o degrau é muito estreito, não acomoda os pés, ou aquelas de ferro todas tortas e balançando.
    Favor levar em consideração esse meu comentário.

  10. Comprei uma banqueta preta da Agraplast no Extra Colinas em SJcampos, para meu espanto quando setei cai, a banqueta afundou e a perna dela dobra. Fui ao Extra colinas e mostrei ao gerente que ficou espantado da má qualidade do produto, quase todas as baquetas ali existente estavam com o mesmo problema, se vc apoiar sua mão ela afunda. Uma pessoa de idade ou uma criança poderia ter grave acidente, eu machuquei o joelho, estou com ele inchado do tombo. , liguei -para o sac ela disse que atravez de e-mail a reclamação e me disse que eles tem 72 hs, para dizer o porque do ocorrido. Como ficamos nós consumidores! Temos que nos arrebentar-mos? primeiro temos que esperar 72 hs? Soraia SJCampos

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s