B.O. Coletivo: Uma iniciativa para apoiar a segurança pública


Cidadão ganha mais uma ferramenta na área de segurança pública. Iniciativa de um grupo de ativismo urbano disponibiliza ferramenta que mapeia as zonas de uma determinada cidade que são mais seguras ou mais violentas.

bocoletivo

Os altos índices de violência são uma realidade nas cidades brasileiras que têm deixado a sociedade bastante apreensiva. De acordo com pesquisa publicada pelo Jornal Nacional, em 05/08/2014, realizada pelo Instituto Datafolha, a segurança é a segunda maior preocupação dos brasileiros. No Norte e no Centro-Oeste atinge 28% das pessoas. No Sul e no Sudeste, 25% se dizem preocupadas com a segurança. E no Nordeste, 23%. Os brasileiros mais ricos, das classes A e B, são os que se sentem mais ameaçados.

Para minimizar o problema, cães de guarda, cercas elétricas, câmeras de segurança e vidros blindados passaram a fazer parte do cotidiano de muitas pessoas.

Uma das iniciativas comum quando nos tornamos vítimas de assalto, furto ou qualquer evento vinculado à segurança pública é avisar aos amigos onde, como e quando aconteceu para deixá-los alertar e evitar que passem pela mesma situação.

Pensando nisso, um grupo de ativismo urbano que tem como tema central a segurança pública lançou uma campanha “Aqui fui assaltado”. Trata-se de um modelo de cartaz disponível na internet ( htpp//www.facebook.com/B.O.Coletivo) onde a vítima pode incluir nome e hora da pessoa e colar no loca do ocorrido.

Mais recentemente, o projeto foi ampliado para um aplicativo, gratuito, para smartphone que permite que o usuário marque no mapa o local onde foi a ocorrência. É possível registrar diferentes tipos de ocorrência como furtos, roubos, sequestros e outros. A intenção do “B.O coletivo” é fazer um mapeamento informal da violência com ajuda das redes sociais.

Cada marcação vira um ponto no mapa e pode ser visualizado por todos que acessarem o app, cada evento possui uma cor;

Vermelho – Roubos;
Pretos – furtos;
Bege – sequestros;
Verde – outros.

Para usar o aplicativo é necessário ter uma conta no Facebook, mas a identidade da pessoa é preservada, o nome não aparece no mapa.

Para baixar o aplicativo é muito simples, basta acessar a loja de app do seu dispositivo e baixá-lo.

Google Play – Clique aqui:
IOS – Clique aqui.

É permitida a reprodução parcial ou total deste material desde que citada a fonte.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s