Dicas para evitar acidentes domésticos


acidentedomestico2015Atento ao período de férias escolares, o Instituto de Pesos e Medidas de Mato Grosso, órgão delegado do Inmetro, promoveu no final do mês de junho uma grande campanha que tinha como objetivo a prevenção e a orientação de acidentes domésticos no Estado.  Para apoiar as atividades e disseminar informações importantes sobre o tema, elaborou uma cartilha eletrônica destacando os principais cuidados que os pais devem ter dentro de casa.

De acordo com dados do material educativo, os acidentes domésticos são responsáveis por um grande número de mortes de crianças no Brasil e no mundo. “Segundo o Ministério da Saúde, a cada ano são registradas 6 mil mortes e mais de 140 mil internações na rede pública de crianças abaixo de 14 anos, vítimas desse tipo de acidente”.

O perigo pode estar em todo  lugar, desde utensílios domésticos até mesmo nos próprios brinquedos. A boa notícia é que a maior parte dos acidentes pode ser evitada a partir de mudanças simples dentro e fora de casa.  Sendo assim, destacamos os principais cuidados recomendados pelo Instituto.

acidentedomestico2015-2

Cozinha:

  • Não deixar as crianças nesse local enquanto algum adulto estiver cozinhando;
  • Deixar o cabo da panela virada para o centro do fogão;
  • Guardar em um local fora do alcance das crianças fósforos e isqueiros,
  • O gás deve estar fora da casa e ter válvula de segurança;
  • Facas, garfos, tesouras e outros objetos pontiagudos devem ser guardados fora do alcance das crianças. Os mesmos cuidados devem ser tomados com travessas, pratos e copos.
  • Detergente e sabão devem ser guardados longe do alcance das crianças;
  • Manter o lixo sempre fechado.

Banheiro:

  • O piso deve ser antiderrapante para não ser escorregadio;
  • Não deixar que crianças pendurem-se no vaso e na pia;
  • Guardar lâminas de barbear em lugares que as crianças não mexam;
  • Guardar perfumes, desodorantes e cosméticos fora do alcance das crianças;
  • Os remédios devem ser guardados em lugares trancados;
  • Vigiar as crianças menores no banho e deixar a tampa do vaso sanitário fechada para evitar afogamentos;
  • Tome cuidado com a temperatura da água na hora do banho;
  • Não deixe bebês sozinhos na banheira ou no chuveiro.

Lavanderia e área de serviço:

  • Guardar produtos de limpeza, raticidas, inseticidas, álcool, ceras, fertilizantes e outros produtos tampados em armários altos e trancados.
  • Não colocar produtos de limpeza em outros frascos, como os de refrigerante, pois podem ser confundidos pelas crianças;
  • Não deixar que as crianças fiquem perto da máquina quando ela está ligada;
  • Não deixar baldes com água, para prevenir afogamentos;
  • O ferro de passar roupa deve ser mantido longe do alcance das crianças.

Acidentes elétricos:

  • Use protetores especiais nas tomadas, para evitar que as crianças coloquem as mãos e outros objetos na tomada;
  • Deixe aparelhos desligados, quando não estão sendo usados;
  • Mantenha os fios dos aparelhos eletrônicos com comprimento suficiente para alcançar as tomadas, sem muita sobra;
  • Instale os aparelhos eletrônicos sobre móveis firmes, para que as crianças não consigam puxar.

Escadas Portas e Janelas: 

  • Instalar corrimãos nos dois lados das escadas;
  • Instalar grades na entrada e na saída da escada;
  • Colocar grades e telas de proteção nas janelas, sacadas e piscinas;
  • Portas de vidro devem ser sinalizadas;
  • Instalar fixadores nas portas.

 Brinquedos: 

  • Verifique se o brinquedo tem o Selo de Identificação de Conformidade do Inmetro, impresso na embalagem ou no próprio brinquedo. O selo deverá estar sempre visível ao consumidor e conter a marca do Inmetro e o logotipo do organismo que realizou a certificação o produto.
  • Cuidado com peças pequenas e que podem eventualmente ser engolidas;
  • Guarde os brinquedos em lugares arejados, para evitar alergias;
  • Não use andadores, as crianças podem cair em escadas ou em qualquer desnível que tiver, causando graves acidentes.

Camas e berços:

  • Os berços devem estar de acordo com as normas do Inmetro;
  • Não se deve deixar bebês sozinhos na cama;
  • Os cobertores e lençóis devem estar presos ao colchão, evitando a asfixia;
  • Evite o uso de camas beliche, pois podem causar sérias quedas.

Alimentos:

  • Não dê balas duras e chicletes para uma criança muito pequena;
  • Retire o caroço antes de dar a fruta para uma criança comer;
  • Cuidado com ossos de galinha e com as espinhas de peixe.

Para mais informações,  acesse aqui a cartilha na íntegra.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s