Costuma pechinchar? Então, confira algumas dicas para negociar descontos na hora das compras!


Em época de crise, pechinchar é uma ótima alternativa para conseguir preços mais justos na compra de produtos. Segundo pesquisa realizada neste ano pelo Instituto Data Popular, 78% dos brasileiros pedem descontos com mais frequência. Especialistas destacam que negociar algum abatimento pode fazer a diferença ao final de cada mês. Quem costuma fazer isso, sente no bolso uma economia significativa.

Por isso, se você é daqueles que costumam sentir vergonha de barganhar, é melhor rever seus conceitos e ficar de olho nas dicas que o Portal do Consumidor preparou. Quem sabe elas podem ser úteis para dar uma aliviada no seu bolso?

Conheça bem o produto que pretende comprar

Procure saber algumas informações sobre o produto antes da compra, principalmente se ele vem acompanhado de alguns acessórios. Nunca chegue ao estabelecimento despreparado, sem antes ter feito uma análise do item que pretende adquirir. Assim, será mais fácil fazer uma contraproposta ao vendedor e, caso ele justifique que o preço não pode ser mais em conta, poderá usar bons argumentos para tentar fazer com que ele mude de ideia.

Quanto mais informações você souber do produto, melhor para conseguir descontos!

Saiba negociar o valor do item com o vendedor

Antes de sair de casa, não se esqueça de pesquisar os valores do item em algumas lojas virtuais. Chegando ao estabelecimento, pergunte o nome do vendedor que irá atendê-lo. Isso ajuda a criar uma relação de empatia, o que pode resultar em uma excelente negociação.

Além disso, é importante verificar se a loja cobre o preço da concorrência. Essa é uma ótima maneira de conseguir descontos.

Não tenha vergonha de pechinchar

Normalmente, os descontos só acontecem quando são solicitados  pelo comprador. Por isso, não deixe de pedir uma dedução no valor do item antes do fechamento da compra.

Vale ressaltar que pechinchar não é sinônimo de poder aquisitivo, visto que, segundo a pesquisa do Data Popular, todas as classes econômicas, da mais rica até a mais pobre, têm o hábito de barganhar.

Procure comprar com antecedência

Sempre que possível compre com bastante tempo de antecedência, isso permite manter a calma em uma negociação, além de favorecer a pesquisa de preços.

Lembre-se: aquisições de última hora acabam gerando maiores gastos, até porque o consumidor costuma agir no desespero.

No caso de compras motivadas por datas festivas, caso perceba que o desconto não é o esperado, saiba dizer não e, aguarde por alguns dias, já que, com a passagem do evento, as lojas costumam realizar liquidações com valores bem mais atraentes para o consumidor.

Opte pelo pagamento em dinheiro

Evite utilizar pagamentos com cartão, mesmo que seja no débito. O dinheiro em espécie ainda continua sendo a melhor forma para economizar nas compras e garantir os melhores descontos na hora da pechincha. Faça o teste e confira!

Fontes: Idec e Data Popular

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s