Você considera o consumo de combustível na hora de escolher seu carro?


O Inmetro em parceria com a Conpet lançou o Guia do Programa Brasileiro de Etiquetagem Veicular. O Programa tem como objetivo orientar o usuário na hora de comprar um automóvel zero Km, em caso de veículos leves.

 A etiqueta do PBE Veicular é a principal fonte de informação para  auxiliar os consumidores na decisão de compra e estimular a fabricação e a importação de veículos mais eficientes e econômicos. Semelhante as existentes em refrigeradores, aparelhos de ar-condicionado, fogões, entre outros produtos, os veículos recebem faixas coloridas de A (mais eficiente) até E (menos eficiente).  Ela classifica os modelos quanto à eficiência energética na categoria e mostra outras informações, como a autonomia em km por litro de combustível na cidade e na estrada, e a emissão de CO2, que é um dos gases responsáveis pelo efeito estufa.

 De acordo com o Instituto, o consumidor que considerar a etiqueta como um requisito para escolher o carro pode fazer uma boa economia. Tendo como exemplo um carro da categoria subcompacto, que é um dos segmentos mais vendidos no Brasil – os mais eficientes, no PBE Veicular, fazem em média 13,2 km com um litro de gasolina. Já os menos eficientes fazem 9,2 km.  Em 1 ano, você economizaria mais de R$ 900 se optasse pelo veículo classe A na etiquetagem. Em 5 anos, essa economia passaria de R$ 4.800, o que poderia representar de 10% a 15% do valor do próprio veículo, dependendo das condições negociadas.

Fiquem atentos ao comprar seu carro zero Km e opte sempre pela etiquetagem com a letra A (mais econômica).

 O consumidor pode encontrar e comparar os veículos etiquetados na página do Inmetro: www.inmetro.gov.br/pbe e/ou pelo site da Conpet: www.conpet.gov.br/consultacarro

Colaborador: Luiz Carlos Rodrigues (estagiário do Portal do Consumidor).